Carreño pede desculpas depois de ataque de fúria

Melbourne (Austrália) – Protagonista de uma das cenas mais marcantes da rodada da última segunda-feira no Australian Open, quanto teve um ataque de fúria ao fim da partida contra Kei Nisikori, sendo derrotado de virada pelo japonês, o espanhol Pablo Carreño pediu desculpas ao público por seu comportamento em quadra.
“Claro que estou muito triste. Depois de cinco horas de luta, a maneira que deixei a quad …

Leia mais em TenisBrasil

Source: TenisBrasil